Total de visualizações de página

quinta-feira, 19 de junho de 2014

VOCÊ É UM CRISTÃO VERDADEIRO A PROCURA DA IGREJA VERDADEIRA?


Por Anatote Lopes

Seja você um cristão membro de igreja que se orgulhe de sua tradição ou um cristão desigrejado que se orgulhe de sua alternativa simples de seguir a Jesus; caso você esteja aplacando a sua consciência culpada, seu medo de uma suposta ira divina, buscando melhorar a sua condição social e talvez espiritual, justificando-se dos seus próprios pecados vergonhosos condenados pelas instituições ou pessoas que, também cometam outros, ou os mesmos pecados que você...

Você precisa pensar a sua fé em Cristo Jesus... Talvez já se julgue em condição melhor que os outros, pelo seu culto informal ou pelo tipo de rito religioso simples e chique que oferece a Deus, e, sinta-se confortado pela licenciosidade da teologia que você aderiu. Nada disso têm importância sem a verdadeira rendição à Cristo, e, este o crucificado anunciado nas Escrituras; não o falso cristo do arremedo da religião, não o cristo acomodado culturalmente a uma tradição antiga que trocou a Bíblia pela sua tradição e autoridade, não o cristo da rejeição do “sistema religioso”, este mesmo falso cristo desenhado pelos gurus soberbos dos desigrejados que desprezam a Bíblia e criam “igrejas” próprias com nomes novos.

Seja você que negue a participar de outros grupos que você condenou em sua arrogância e soberba pela religiosidade e hipocrisia deles, saiba que você não pode ser salvo por suas obras imundas e esmolas motivadas por um coração escravizado por um sentimento igualmente pecaminoso, faccioso e hipócrita, simulando uma falsa simplicidade de amor, fé e generosidade na graça que, se torna uma verdadeira paixão, heresia e avareza, a qual busca enriquecer um ego narcisista, seja o seu e o de outro com quem você se identifica.

Se você procura uma "igreja" ou uma "fé" sem igreja, a qual você reconheça como “igreja verdadeira” para receber milagres e bênçãos neste mundo corrupto, acomodando-se a uma vida de pecado e de consciência aplacada, ou motivado pela dor de cotovelo de experiências dolorosas, você está crendo e vivendo sem compromisso com a Palavra de Deus, sem aceitar um discipulado verdadeiro nas Escrituras no Novo e Velho Testamento, o que é verdadeiramente: aprender e obedecer ao evangelho.

Saiba que sem arrependimento de pecados (uma verdadeira mudança de vida), sem sujeitar-se ao senhorio de Cristo (uma vida santificada), desejando-O somente como seu salvador, mas, sem reconhecê-lO de fato, o que é obedecê-lO como Senhor, tenho que te dizer que você é um pagão, um falso cristão e está caminhando para a destruição do fogo eterno, mas ainda pode se arrepender e mudar de caminho.

Mas, se você se reúne com a Igreja que estuda a Bíblia para conhecer e obedecer a Deus porque crê que Jesus Cristo veio ao mundo para salvar os pecadores e fazer discípulos que só podem ser salvos pelo poder do seu sangue na cruz, por nosso Senhor único e suficiente Salvador, aquele que por nós morreu e ressuscitou, vive e voltará para buscar a sua Igreja; se você crer assim sinceramente, então você é um cristão verdadeiro.

Uma Salvação pela graça é confirmada na habitação da graça de Deus no coração do eleito que manifesta uma fé realizadora de boas obras, a qual começa com uma nova vida e perdão recebido, o que é evidenciado por um coração que vela por uma nova disposição de santificação, graça e perdão para com a humanidade. Se você crer assim verdadeiramente, esta fé viva e verdadeira vai mudar a sua vida por inteiro. Você vai se entregar a Jesus Cristo por inteiro e Ele vai mudar a sua história.

Aquele que se entregar a Cristo por inteiro deixará a arrogância da religiosidade frívola, o orgulho de tradições religiosas, tanto quanto o orgulho, a arrogância e o exclusivismo de uma fé desigrejada, decepcionada e magoada com o próximo, a fim de estudar, aprender e ensinar as Escrituras uns com os outros e uns aos outros, o que é o discipulado dos batizados, ordenado pelo Senhor Jesus Cristo, ao ir pelo mundo fazendo discípulos anunciando a Jesus: o Caminho, a Verdade e a Vida, como Igreja cristã segundo o padrão claramente ensinado nas Escrituras Sagradas.